Comportamento
Ferramentas

“Como você é inteligente!” “Muito bem, você estudou e passou nessa prova difícil”. Se, para você, esses dois elogios pareceram positivos, saiba que, para o seu filho, há uma grande diferença entre eles.

De acordo com uma pesquisa das universidades de Chicago e Stanford, nos Estados Unidos, os pais que centram seus elogios nas ações (e não apenas nas qualidades) ajudam a criança a se preparar para enfrentar os desafios no futuro.

Segundo a psicopedagoga da Sociedade Brasileira de Psicologia, Quezia Bombonatto, apenas ressaltar características da criança, como o fato de ela ser inteligente ou bonita, pode resultar em dois extremos: medo de decepcionar e excesso de confiança. “O elogio gera um rótulo. O filho pode ficar acomodado ou ter muito medo de não corresponder às expectativas. Por outro lado, se os pais valorizam as boas ações da criança, ela tende a repeti-las e a acreditar que tem condições de agir. O resultado é mais confiança e proatividade”, diz.

Artigos Relacionados

10 Razões para NUNCA deixar seu filho beber refrigerante 10 Razões para NUNCA deixar seu filho beber refrigerante
Muitos de nós têm optado por escolhas mais saudáveis ​​para nós e nossa família. Certamente não é um processo fácil deixar maus hábitos...
Experiência coloca várias crianças de olhos vendados para saber se reconheceriam suas mães
O Dia das Mães passou e diversas campanhas surgiram abordando o tema. A marca de joias Pandora teve uma abordagem extremamente original e, claro,...
Dor de Barriga: 8 Tipos mais Comuns Dor de Barriga: 8 Tipos mais Comuns
Se você é mãe e nunca ouviu a frase do título, pode se sentir vivendo em uma realidade paralela. Um guia rápido para ajudar você a identificar...
Olha o Passarinho! Olha o Passarinho!
Dicas para fotografar o seu filho “Aproveita, vai passar rápido!” O conselho dado a todos os pais e mães com um recém-nascido no colo tem...