Vida de Mulher

Linda, Saudável e Poderosa

 

Gravidez Semana a Semana


Grávida por 40 semanas
(contando do primeiro dia do último periodo menstrual)

Imagem 3D

Sua Gravidez: 40ª semana de gravidez

Uau! Você conseguiu! A qualquer momento você estará segurando em seus braços seu lindo bebê, olhando nos olhinhos dele e suavemente sussurrando, "Eu estou tão feliz em conhecê-lo"

Seu corpo

Você cruzou a linha de chegada! Muitos bebês não chegam ao dia oficial do parto (aquele que seu médico lhe disse no começo da gestação). Você com certeza está esperando por algo acontecer, não fique desmotivada se nada acontecer nesta semana. Uma hora ou outra seu bebê terá que sair. Fique tranquila.

Já que você tem algum tempo para gastar, seria uma boa hora para revisar algumas coisas:

  • Estude os sinais e sintomas do trabalho de parto. Assim você será capaz de reconhecê-los quando for iminente.
  • Verifique a bolsa que você levará à maternidade. (Veja se você colocou aquelas pantufas combinando com seu roupão).
  • Cheque a bolsa do neném (eu sei você já checou essa bendita bolsa umas mil vezes!) 
  • Explique novamente ao seu marido a lista "Socorro! Estou em trabalho de parto." (aquela que tem o telefone da mamãe, da vovó, da titia, do patrão, do papagaio, etc)
  • Analise todas as rotas possíveis para a maternidade, para não ficar pressa em algum congestionamento. 

Seu bebê

Parabéns! Este pãozinho no forno está completamente assado! Esta é uma boa notícia. Porém, há outra não tão boa assim é que dar à luz no dia oficial do parto é difícil. Na verdade, a maioria das mães de primeira viagem chegam a duas semanas além do dia previsto para o parto.

Pesquisadores concluiram que o próprio bebê envia um sinal hormonal para a placenta avisando que está na hora de começar o trabalho de parto. Em outras palavras, seu bebê vai chegar quanto ele quiser. Espertinho ele não?

Ao nascer seu bebê terá um total de 300 ossos. Alguns destes vão se fundir mais tarde, é por isso que nós adultos temos 206 ossos. Fascinante,  né?

Sua vida

Enquanto você tem "todo" esse tempo livre, aproveite para ler os manuais. Não! não o que você espera que venha com seu bebê! Mas aqueles que vêm como todos aqueles equipamentos que você está comprando, como por exemplo a bomba de sucção. Garanta que você entende bem o funcionamento desse negócio, pois você sabe muito bem aonde isso vai: no seu seio. Faça um teste na babá eletrônica, com a ajuda do seu marido. Cheque o volume e garanta que está funcionando. Bom, de qualquer forma, com ou seu babá eletrônica, você correrá umas 300 vezes por dia  para o quarto do seu bebê só para verificar se está tudo bem, mas será divertido brincar de walk-talkie com seu marido.

Tenha certeza de que você consegue dobrar e desdobrar o carrinho, e que consegue liberar e prender o bebê conforto do carro sozinha. Você provavelmente não fará muitas saídas solo no começo, mas se você precisar sair sozinha, é bom saber como tudo isso funciona. Assim, você se livrará da vergonha de ter que pedir ajuda a um estranho para fechar o carrinho para colocá-lo no porrta-malas.

O que você está pensando...

"Eu espero que o bebê não tenha o nariz do tio José".

Faz bem comer...

Na hora da vontade de comer aquela guloseima, experimente colocar uma banana no microondas com um pouco de canela, ou tome uma batida de iogurte com frutas congeladas. Você só tem a ganhar se conseguir achar uma guloseima "mais saudável"!

Tome bastante leite, ou leite de soja, e consuma bastante agrião, rúcula, espinafre e caroço de abóbora torrado, que é, também, rico em ferro. 

É bom saber...

Câimbras e pés inchados. O que fazer?
Tome bastante água de coco, rica em cálcio e potássio. Para melhorar o inchaço dos pés, diminua o sal da comida e, sempre que puder, ponhas os pés para cima.

Futuro papai

Você olhou de relance para a mamãe e notou seu perfil, aquela grande barriga…e se sentiu momentaneamente culpado. Ela está cansada, excêntrica, com tonturas, não pode dormir porque tem de ir ao banheiro a cada 30 minutos, com azia crônica e indigestão e seu mau humor é um reflexo dos desconfortos tardios da gravidez. Você se sente responsável por tudo? Vamos refletir um pouco. A mãe não pode conceber sem o pai ou vice-versa. A gravidez é uma atuação de equipe. É claro que você não passou por todos aqueles desconfortos físicos, mas você fez a sua parte se preocupando em manter o bem estar dela. Esteja lá com ela. É tudo o que ela quer. Mostre que seu amor não diminuiu por causa dessas alterações. Você pode ajudar a mamãe a aliviar essa carga final, simplesmente estando a seu lado. Não se sinta culpado; ao contrário sinta-se um COMPARSA dessa trama.


Grávida por 40 semanas
(contando do primeiro dia do último periodo menstrual)

Assine o informativo

Informativo bi-semanal dos novos artigos do site
captcha