Vida de Mulher

Linda, Saudável e Poderosa

 

Gravidez Semana a Semana


Grávida por 20 semanas
(contando do primeiro dia do último periodo menstrual)

Imagem 3D

Sua Gravidez: 20ª semana de gravidez

Oba! Você está na metade do caminho! E, no caso de você não acreditar que 20 semanas é um marco importante para celebrar, considere que é mais longo do que um semestre na universidade. Parabéns! Essa é também a semana em que você poderá ver o seu bambino pela ultrassonograma (ultrassom), revelando, exatamente, se é ele ou ela. Por que não comemorar com uma garrafa de suco de laranja?

Seu corpo

Tão temidas pela maioria das grávidas, as estrias cutâneas representam um problema estético muito frequente. Calcula-se que apareçam em 75% das gestações. São mais comuns na primeira gravidez; e,  se não surgirem aí, é raro que o façam depois, salvo que exista um grande aumento de peso, por exemplo, como consequência de uma gravidez múltipla. Podem começar no sexto mês, e aparecem, principalmente, na barriga e nos seios.

As estrias são uma resposta ao estiramento cutâneo. O que acontece é que as fibras elásticas e de colágeno que sustêm e dão resistência à pele rompem e depois forma-se uma espécie de cicatriz. Além do crescimento rápido da barriga e dos seios, sabe-se que os hormônios que se multiplicam na gestaçao  influenciam em seu aparecimento.

Apesar de não ser possível prever quem é que vai ou não desenvolvê-las, a predisposição genética constitui um fator muito importante. Infelizmente não existe uma forma segura de preveni-las quando a mulher tem uma propensão. De qualquer forma, o cuidado da pele é fundamental, pois se a pela estiver seca, as fibras da epiderme rompem com maior facilidade, ocasionando esses desagradáveis sulcos na superfície. Uma boa medida é aplicar regularmente um creme nutritivo, emoliente e hidratante com vitamina A, óleo de amêndoas, e outros compostos especiais para melhorar a resistência cutânea. Esees produtos aplicados diariamente ajudam a pele a manter-se nutrida e hidratada, ou seja, mais preparada para suportar o estiramento. Também é recomendável vestir roupa interior que, sem apertar, apoie a barriga e o peito, para aliviar a tensão.

E ele não para por aí! Outras alterações cutâneas como acne e erupções cutâneas também são comuns durante a gravidez. Portanto, se estiver ficando marcada como adolescente, pense que você não está sozinha; tudo sumirá em breve.

Seu útero deve estar agora na mesma altura do seu umbigo. Após esta semana, deverá crescer um centímetro por semana. Os médicos medem o tamanho do útero para ajudar a traçar o crescimento do bebê. Cada profissional tem a sua maneira de o fazer, mas o objetivo é o mesmo. Ao saber de suas medidas, não tente ficar se comparando a outras gestantes; pois, como dito, cada médico mede de forma diferente: uns usam o umbigo como ponto de referência; e outros, o osso púbico. Ademais, cada mulher e seu bebê crescerão em proporções diferentes.

Seu bebê

Esta é a semana a maioria das mulheres recebe uma notícia muito importante, revelada pelo ultrassom.  Se o seu bebê não for tímido, o órgão genital pode ser visto claramente neste ponto. Será que se bebê fará xixi de pé ou sentado? 

Outros destaques:

  • Agora o seu bebê já tem estabelecido padrões de dormir similar a um recém-nascido. Muitos bebês já têm uma posição preferida de dormir. Alguns tiram uma soneca com o seu queixo descansando sobre seu peito, enquanto outros tiram um cochilo com a sua cabeça para trás. Muitos, nessa idade já tem ciclos de sono e atividades, de modo que você pode saber antes de sua chegada se tem uma  coruja da noite ou um pássaro da manhã;
  • Se o seu bebê é um menino, os testículos dele descem da pelve para a bolsa escrotal. Se for uma menina, o útero dela está totalmente formado e o resto das suas "partes" estão em desenvolvimento; 
  • A pele do seu bebê agora está se tornando mais complexa, formando várias camadas. A epiderme, ou a superfície da pele do seu bebê, possui quatro camas que contêm cadeias de alcance. As camadas que se formam nas palmas das mãos do seu bebê irão formar as suas impressões digitais definitivas;

  • Os pulmões e o sistema digestivo do seu bebê estão quase completando o seu desenvolvimento. Seu cérebro tem cerca de 30 milhões de neurônios e as suas habilidades de olfato, audição, visão, tato e paladar estão se desenvolvendo cada vez mais;

  • O bebê já está mais receptivo aos estímulos externos, isso significa que ele já pode ouvir as coisas que você fala, porém, como ele está imerso em líquido amniótico o som da sua voz fica um pouco distorcida para ele, mas mesmo assim ele pode ouvi-la. Portanto, se você é daquelas mulheres que gostam de mimar crianças, então você já pode começar a mimar o seu lindo bebê;

  • Deste ponto em frente, o seu bebê irá destinar a maior parte de sua energia para ganhar peso e, coincidentemente, você também! Neste momento a medida de seu bebê esta semana, da cabeça ao bumbum, deve variar entre 14 e 16 centímetros, tem aproximadamente o tamanho de uma lata de Red Bull, que tem em sua formula uma quantidade demasiada de cafeína para uma mulher grávida, ou seja, fique bem longe. O peso do bebê agora é de 290 gramas aproximadamente.

Sua vida

Ser mãe é um papel muito importante que o Senhor escolhe para dar a muitas mulheres. Às mães é dito que amem seus filhos em Tito 2:4-5, que diz: “Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos, A serem moderadas, castas, boas donas de casa, sujeitas a seus maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja blasfemada.” Em Isaías 49:15 a Bíblia diz: “Porventura pode uma mulher esquecer-se tanto de seu filho que cria, que não se compadeça dele, do filho do seu ventre?” Mas... Quando se começa a ser mãe?

Os filhos são presentes do Senhor (Salmos 127:3-5). Em Tito 2:4, aparece a palavra grega “phileoteknos”.. ela representa um tipo especial de “amor-de-mãe”. A ideia que  o vocábulo evoca é de “preferir” nossos filhos, “cuidar” deles, “alimentá-los”, “abraçá-los” com amor, “satisfazer suas necessidades”, “amavelmente ser amiga” de cada um como o único vindo da mão de Deus. As Escrituras Sagradas nos ordenam para que vejamos o “amor-de-mãe” como de nossa responsabilidade. A palavra de Deus ordena, tanto às mães quanto aos pais, para tome várias atitudes na vida dos filhos, dando:

O que você está pensando...

"Vinte já foram, só faltam mais vinte!"

Faz bem comer...

Bananas são ricas em potássio, portanto, evitam câimbras e o cansaço nas pernas. Mas, não coma muito, pois prendem o intestino em caso de excesso.

É bom saber...

Como na gravidez tudo fica diferente no corpo feminino, os pés merecem cuidado especial. A mulher precisa escolher um modelo de calçado que seja bonito - pois ela deve manter seu charme e estar realmente bela -, mas acima de tudo que lhe ofereça bem-estar e saúde aos pés.

Segundo a ginecologista e obstetra Alba Lúcia Ramos Zucco, desde o momento em que a gravidez for confirmada, a gestante precisa se preocupar com o tipo de sapato que usa. "Durante toda a gestação, os calçados devem ser confortáveis, adequados à estação e devem ter um salto discreto de 2 a 4 cm, e base larga". Para a médica, é preciso evitar as rasteirinhas e os chinelos. "Não são apropriados. O salto é aconselhável - até 4 cm - para melhorar a circulação venosa dos membros inferiores, e facilitar o caminhar".

Um calçado inapropriado pode causar vários problemas durante a gestação, mas não interfere no momento do parto, segundo a médica."Sem salto, ocorrem dor nas pernas e problemas nas circulações; nos de salto acima de 5 cm ou muito finos, há o aumento do risco de entorses e quedas, que podem causar traumas, tanto para a mãe quanto para o bebê". A ginecologista desmistifica a crendice de que salto alto causa varizes.

Futuro papai

Você pode começar a procurar os diversos tipos de cursos para a gestação e o parto e deve participar, junto à mãe, de todas as aulas. É hora de conhecer várias maternidades e o esquema de funcionamento de cada uma. Alguns pais são relutantes a isso, enquanto outros ficam entusiasmadíssimos. Você precisa participar ativamente e tirar todas as dúvidas. O mais importante é que você vai compartilhar a experiência com outros afins e perceber que não é o único a sentir medo de ser pai. 


Grávida por 20 semanas
(contando do primeiro dia do último periodo menstrual)

Assine o informativo

Informativo bi-semanal dos novos artigos do site
captcha